topo

Postado em 05 de Fevereiro de 2019 às 12h00

Novas regras para a Nota Fiscal Eletrônica Versão 4.0

MERCADO (6)

Fique atento empresário, a versão 4.0 da Nota Fiscal Eletrônica está chegando!

Prezados contribuintes, fiquem atentos a nova versão da NF-e 4.0, sempre bom evitar prejuízos e incômodos no que tange a problemas de ordem técnica junto ao seu fornecedor de software ERP.

O ERP Flex Smart está atualizado e preparado para atender mais esta demanda fiscal. Saiba mais em www.flexsmart.com.br

NF-e 4.0
No caso da NF-e 4.0 o que muda é o seu layout, que sofre atualização a partir de 2 de outubro, passando a ser obrigatório para o ambiente de produção em seu novo modelo. Todos os ambientes têm até 2 de abril 2018 para adequar suas emissões, quando o antigo modelo 3.10 será desativado. Para os detalhistas, a Nota Técnica 2016.002 - v 1.20 (atualizada em 31/05/2017) informa todos os detalhes da mudança, e pode ser vista no portal da Nota Fiscal Eletrônica.

De forma resumida, o que muda no quesito layout é que ao campo indicador de presença foi adicionada uma 5ª opção “Operação presencial, fora do estabelecimento”. Isso diz respeito a vendas ambulantes. Um novo grupo foi criado, o “Rastreabilidade de produto”, que serve para produtos sujeitos a regulações sanitárias. Exemplos disso são produtos veterinários, odontológicos, remédios e bebidas. O mesmo serve para produtos que sofreram recall, e também agrotóxicos. O grupo pede as informações de lote e data de fabricação.

Outro campo criado é o “Fundo de Combate à Pobreza”, que deve ser preenchido para operações internas ou interestaduais com substituição tributária. Foi também criado o campo “Grupo Total da NF-e”, onde será fornecido o valor total do IPI (Impostos sobre Produtos Industrializados). Ele é usado quando há a devolução de mercadoria por estabelecimentos que não contribuam com essa taxa.

O campo “Grupo X-Informações do Transporte da NF-e” agora aceita duas novas modalidades, o Transporte Próprio por Conta do Remetente e o Transporte Próprio por Conta do Destinatário. O campo “Formas de Pagamento” agora se chama apenas “Pagamento”, onde também está incluso o valor do troco, enquanto o campo “Forma de Pagamentos do Grupo B” não existe mais.

Foi criado ainda, no campo de “Medicamento”, uma área para informar o código de produto da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para remédios e matérias-primas farmacêuticas. Também foram retirados os campos específicos de medicamento, os quais, agora, integram o “Grupo Rastreabilidade de Produto”. Há também o “Grupo LA” que recebe o campo para indicar os percentuais de mistura do GLP.

Entre em contato para que possamos lhe esclarecer melhor.

Flex Smart Sistemas
www.flexsmart.com.br
Fone: (49) 3304 -0787

 

Veja também

Tudo o que você precisa saber sobre um DRE gerencial!17/06 Esse artigo irá abordar sobre o demonstrativo de resultado de exercício – DRE, fornecendo as informações mais importantes para que você comece utilizar o DRE e gerar informações gerencias extremamente essenciais para a sua empresa....

Voltar para BLOG

SIDEBAR